Total de visualizações de página

28 fevereiro 2011

O diabo usa gravata


Esta é a cara do senhor Ricardo Neis. O sujeito que atropelou covardemente dezenas de ciclistas
na cidade de Porto Alegre, no dia 25 de fevereiro de 2011.

Olhe bem para o olhar dele. Os olhos dizem muitas coisas.

Ele jogou o carro em alta velocidade sobre as pessoas e depois fugiu. Abandonou o carro logo em seguida. Três dias depois apareceu pra dar depoimento na polícia.
Ele usa gravata, o que comprova a hipótese de que até mesmo os monstros podem usar gravata.
Este é o tipo de pessoa que deve estar atrás das grades. Uma ameaça à sociedade.

Esperamos que ele não acabe solto, como o empresário Roberto da Silva Corlleto - que atropelou e matou um professor da Ufrgs em 2005. Seu carro estava a mais de 100km/h numa via onde a velocidade máxima é 60 km/h.

Cumpra-se a lei.

Se você ver um destes sujeitos por aí desvie, corra, procure abrigo. Eles são uma ameaça.




(Foto de Paulo Nunes, Correio do Povo)

2 comentários:

  1. | 28/02/2011 | 19h57min

    Ministério Público pede prisão preventiva do motorista que atropelou ciclistas
    Ricardo Neis prestou depoimento na Delagacia de Crimes de Trânsito nesta segunda-feira



    O Ministério Público Estadual pediu na noite desta segunda-feira a prisão preventiva de Ricardo Neis, 47 anos, que atropelou dezenas de ciclistas na Cidade Baixa, na última sexta-feira. Para os promotores Eugênio Amorim e Maria Lúcia Callegari, que atuam no Tribunal do Juri da Capital, as imagens da internet somadas ao histórico de infrações graves no trânsito revelariam um perfil violento do condutor.

    – Ele tem multas por dirigir na contramão, em cima da calçada e outras infrações graves. Precisa ser preso, pois não há justificativa para o que fez, explicou Amorim. Conforme o promotor, o caso foi um crime doloso (com intenção de matar) e duplamente qualificado, por ter sido cometido por motivo fútil e por um meio que impossibilitou defesa das vítimas.

    ResponderExcluir
  2. Em Porto Alegre anoitecia, já era fim de tarde
    Um grupo de jovens, cada qual com sua bike
    Fazia um protesto pacífico pelas ruas da cidade
    Pediam mais bicicletas, apesar da modernidade

    Familiares, namorados, amigos a perder de vista
    Até cachorro acompanhava a passagem dos ciclistas
    Um deles que filmava, mal sabia, iria fazer um flagrante
    Motorista atropelou dezenas: imagem impressionante

    Em disparada não prestou socorro, seria proposital?
    Pela violência, parecia que a alguém queria fazer mal
    O carro, todo amassado, encontrado sem placas
    No asfalto, dor, incompreensão, ciclistas em macas

    Mas o (ir)responsável se apresentou na delegacia
    Alegou legítima defesa, disse que linchado seria
    Na TV, testemunhas confirmaram o desentendimento
    O que, claro, não justifica a atitude daquele momento

    O MP e a Polícia Civil pediram prisão preventiva
    Poderá ser acusado de homicídio pela tentativa
    Se é certo que quis proteger o filho que estava no carro
    Não havia outra alternativa? Somente fazer esse estrago?

    http://noticiaemverso.com
    twitter: @noticiaemverso

    ResponderExcluir

Seu comentário é bem-vindo. Mas não deixe-o sem assinatura.